Notícias

CBV e Banco do Brasil inauguram núcleo em São Sebastião

Foi inaugurado na tarde deste sábado (17.03) um novo núcleo do VivaVôlei, o programa social da Confederação Brasileira de Voleibol (CBV). Em parceria com o Banco do Brasil, que contou com representantes no evento, e, desta vez com o Instituto Verdescola, o novo núcleo, chamado VivaVôlei Banco do Brasil/Instituto Verdescola, teve seu primeiro dia de atividades com cerca de 70 crianças tendo a chance de jogar ao lado do campeão olímpico de Vôlei de Praia, Emanuel.

Uma delas é Lara Camile, de 14 anos. A aluna do Instituto Verdescola reuniu um grupo que preparou um presente especial para a presença mais do que especial que sua escola recebeu nesta tarde.

“Juntamos um grupo para desenhar algo que representasse o Emanuel. Depois de tantos jogos e medalhas, achamos que essa era uma forma de homenagear. Ele ganhou muitas medalhas e eu gostaria de ser uma atleta também. Já estou matriculada para fazer o VivaVôlei e ver uma personalidade como ele tão de perto é bem bacana”, disse Lara.

Outra aluna do Instituto que comemorou, e muito, a presença de Emanuel e a nova chance de aprender cada vez mais sobre o vôlei, Stefanie, de 12 anos, falou sobre a alegria que sentiu nesta tarde.

“É uma oportunidade única. Para mim, está sendo um sonho realizado porque nunca tivemos essa chance. Ver uma pessoa tão famosa, assim, é um sonho. Já jogo vôlei no recreio da escola e, quem sabe, um dia chego a uma seleção brasileira”, comentou Stefanie.

Satisfeito com a chance de participar de um evento como este, que incentiva crianças a jogar voleibol, o ex-atleta vibrou com o que viveu na tarde deste sábado.

“É a inauguração do ginásio do Instituto Verdescola e fizemos uma inteiração interessante por aqui. Participei de uma parte mais burocrática, junto as autoridades locais, e depois de uma atividade inicial com as crianças. O Instituto é voltado para uma ajuda a toda a comunidade, atendendo mais de mil crianças e adolescentes, conheci toda a estrutura e é um local muito especial onde o VivaVôlei vai estar tentando dar ainda mais oportunidades a estas crianças”, comentou Emanuel.

Para o gerente do Programa Social VivaVôlei, Marcos Aurélio Gonçalves, o evento de hoje apresentou uma enorme possibilidade e, consequentemente, responsabilidade.

“O lançamento do núcleo de hoje foi marcado por um evento bem dinâmico, com uma participação maciça dos responsáveis, com envolvimento da comunidade, da mídia e foi muito bacana. Foi a inauguração do ginásio, a chegada do VivaVôlei, os parceiros do Instituto, a presença do Emanuel e de vários políticos e tudo isso mostra a grandeza do evento”, disse o dirigente da CBV, que complementou.

“Ficamos felizes pela responsabilidade que temos, vimos o quanto os professores são envolvidos e vamos fazer parte da grade deles. Enfim, é uma parceria muito grande e, quem sabe, vamos conseguir garimpar e descobrir alguns atletas também”, concluiu Marcos Aurélio.

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do voleibol brasileiro