Viva Vôlei
Você está em: Home > Notícias > Novo núcleo será inaugurado em Fortaleza

Novo núcleo será inaugurado em Fortaleza


Publicado em: 13/09/2015 16:27
(Créditos: )

Atletas conhecidos, como a ponteira Gabi, costumam participar dos eventos do VivaVôlei. No próximo, será a vez de Sandra PiresAlexandre Arruda/CBV

O VivaVôlei, programa social da Confederação Brasileira de Vôlei (CBV), não pára de crescer. Será inaugurado mais um núcleo, desta vez, na Comunidade Maravilha, em Fortaleza (CE). O evento de inauguração será no próximo sábado (12.09), a partir das 9h, no local, que fica na BR 116, KM 0. Para tornar o momento ainda mais especial, crianças e professores poderão tirar proveito da presença da ex-jogadora e atual comentarista dos canais SporTV, Sandra Pires, embaixadora do Programa.

 

Outras personalidades participarão da inauguração do núcleo cearense. Já estão confirmados o secretário de Esporte da prefeitura, Márcio Lopes, o secretário de Esporte do Estado, Jeová Mota, o Gerente Geral da Agência Setor Público Fortaleza, Marcus Paulo Brito, o Gerente de Negócios da Superintedência de Varejo e Governo do Estado do Ceará, Paulo Afonso Pena da Silva, além dos atletas Roberto Lopes, Márcio Araújo, Shelda, Hevaldo e Bruno. Todos poderão assistir uma apresentação do Circo Escola Bom Jardim, que estará presente ao evento.

 

O VivaVôlei, criado no ano de 1999, oferece aulas para crianças de 7 a 14 anos, que aprendem a modalidade com toda a estrutura adaptada a faixa etária. A Comunidade Maravilha será o 78º núcleo do Programa, que está presente em 18 estados brasileiros. Com as atividades, os alunos têm a oportunidade de melhorar as condições físicas e motoras, além da capacidade técnica.

 

Para a ex-atleta, Sandra Pires, este é um momento especial para todos que estarão presentes neste evento de inauguração e, principalmente, para as crianças que poderão usufruir do programa VivaVôlei.

 

“Todo estímulo ao esporte é muito bem vindo. São crianças a partir de 7 anos e é muito importante que elas tenham essa oportunidade de experimentar, de conhecer o vôlei. Claro que uma criança nesta idade ainda não está pensando na prática do esporte, mas começa a aprender a trabalhar em equipe, dividir tarefas, se disciplinar, enfim, vai vivenciando esse mundo”, comentou Sandra Pires.

 

A campeã olímpica ainda destacou a importância de outro tipo de aprendizado através do programa VivaVôlei. “E as crianças mais velhas já curtem essa disputa, que é natural no esporte, mas também na vida. Sempre há concorrência no trabalho, em um concurso, então, mesmo quem não seguir no vôlei, aprende a conviver com esse tipo de situação”, disse Sandra Pires.

 

A teoria apresentada pela ex-atleta sempre foi, e continua sendo, comprovada na prática. Estar em contato com o programa é algo que contribui não apenas para os alunos. “Sou o que sou graças ao esporte. Retribuir a tudo que o vôlei me deu é o mínimo que eu posso fazer. Estar ali, ter esse contato com as crianças, é sempre uma troca. Eles aprendem comigo, mas eu sempre saio de lá bastante feliz”, concluiu Sandra Pires.

 

O Banco do Brasil é o patrocinador oficial do vôlei brasileiro